Artigos

CONTATOS DE 4º GRAU

DVD

autorGilberto Schoereder
publicado porGilberto Schoereder
data20/9/2010
fonte
A Imagem Filmes lança o DVD para venda.

O filme originou uma confusão imensa, inclusive jurídica, envolvendo a Universal – para não falar de muitas críticas contrárias que surgiram na mídia em todo o planeta – a partir da ideia de apresentar a produção como sendo baseada em fatos reais, contrapondo as filmagens com atores e filmagens de "arquivo", supostamente reais.
Antes do filme começar, a atriz Milla Jovovich, que interpreta a psicóloga Abbey Tyler, se apresenta como Milla Jovovich, dizendo que o filme que iremos ver é baseado em fatos reais, e que algumas cenas são apresentadas juntamente com as imagens gravadas da "verdadeira" dra. Abbey Tyler.

Milla Jovovich, apresentando o filme.

 O ponto de partida é uma entrevista na qual a doutora está participando na Universidade Chapman. Ela está visivelmente abalada, ou tem sérios problemas mentais – e o filme pretende deixar essa dúvida no ar – e começa a narrar sua história a partir da morte misteriosa e violenta de seu marido, enquanto os dois dormiam em sua residência em Nome, pequena cidade do Alasca na qual o marido, Will, também psicólogo, realizava uma pesquisa com os residentes.
Após a morte do marido, Abbey resolve continuar o trabalho dele e, ao entrevistar os pacientes, percebe que todos têm o mesmo sonho, no qual vêem uma coruja olhando para eles, de dentro da casa. Como o título do filme é autoexplicativo – pelo menos para quem conhece alguma coisa de ufologia – sabe-se mais ou menos o que esperar, ou seja, que abduções alienígenas estejam ocorrendo em larga escala na cidade.

A coruja que os pacientes vêem nada mais é do que uma sugestão pós-hipnótica dos seres, ou um recurso da mente humana para apagar as lembranças de uma experiência aterrorizante. As coisas começam a se complicar quando Abbey resolve hipnotizar os pacientes para que eles se lembrem do que realmente viram durante a noite – na verdade, as noites, uma vez que a experiência se repete. É então que entra em cena a teoria da abdução extraterrestre.
Se formos considerar o filme apenas pelo aspecto da polêmica criada, corremos o risco de confundir o filme com a campanha publicitária. E, cá entre nós: um filme de Hollywood que se apresenta como algo que não é, não é exatamente uma novidade. E quem acredita em campanha publicitária merece ser enganado. É claro que os caras foram longe: inventaram um registro médico para a dra. Abigail Tyler; criaram um site falso, com textos atribuídos a ela; e, certamente, distorceram o que realmente ocorre na cidade de Nome, esta sim, verdadeira, afirmando que inúmeros casos de abduções foram registrados no local, e que a cidade recebeu mais visitas do FBI do que qualquer cidade daquele tamanho. O FBI chegou a afirmar que os desaparecimentos ocorridos na região se devem a uma combinação de bebida e temperaturas muito baixas, e não devido aos falsos e sensacionalistas casos de abdução. Ora, vamos, falsos e sensacionalistas? No cinema? Que tal fazer um filme de ficção científica e terror abordando motoristas bêbados que se perdem na vastidão gelada do Alasca? Tenha santa paciência! Mulder e Scully oferecendo chocolate quente para bebuns com o rabo congelado. Grande enredo!


Desde o primeiro momento é óbvio que se trata de um recurso narrativo, e sequer é a primeira vez que o cinema faz isso. Para falar a verdade, não fosse essa opção narrativa, seria apenas mais um entre dezenas ou centenas de filmes que tratam de abdução alienígena.
Contatos de 4º Grau não é um filme ruim e também não é nenhuma obra-prima, mas certamente é bem melhor e mais instigante do que centenas de produções de ficção científica e terror que inundam as telas – pequenas e grandes, em 2 ou 3 D – nos últimos anos.

CONTATOS DE 4º GRAU
The Fourth Kind
EUA/ Inglaterra
2009
(Universal Pic./ Gold Circle Films/ Chambara Pic./ Dead Crow Pic./ Saga Film/ Focus Films/ Fourth Kind Prod.)
Direção: Olatunde Osunsanmi
Produção: Paul Brooks/ Joe Carnahan, Terry Lee Robbins
Roteiro: Olatunde Osunsanmi/ Terry Lee Robbins
Fotografia: Lorenzo Senatore
Efeitos visuais: Pacific Title and Art Studio/ Plowman Craven & Associates
Música: Atli Örvarsson
Com Milla Jovovich, Charlotte Milchard, Will Patton, Elias Koteas, Hakeem Kae-Kazim, Corey Johnson, Enzo Cilenti, Mia McKenna-Bruce, Raphael Coleman.